Compartilhe:

Rede Social nas Ruas

20 de Junho de 2013 às 17:00
por Sérgio Xavier

Manifestações nas grandes cidades do Brasil mostram que as opiniões e interações das redes sociais saltam do mundo digital para o mundo real. Sentimentos e posturas migram dos espaços virtuais da internet para o ambiente concreto das ruas. Como as Redes são canais de comunicação horizontal, sem coordenação, onde cada indivíduo expressa livremente seus pensamentos, é natural que a transposição dessa pluralidade para a cidade seja ‘caórdica’. Ou seja, aparenta caos, mas tem uma base de ordem, essência e propósito.

 
Diante de múltiplas expressões, que abrangem inúmeros anseios individuais e coletivos, há perplexidade e pouco entendimento sobre o que está acontecendo. A imprensa tem dificuldade de sintetizar em manchetes os objetivos, pois o espectro é amplo, os participantes diversos e as posturas, em alguns aspectos, contraditórias. Assim, como na internet. Enquanto uma maioria apresenta pacificamente e criativamente suas demandas, grupos minoritários, destoam com agressões, saques e violência incendiária.

Na verdade o que está acontecendo é o teletransporte da vida digital para a vida real. Na internet há de tudo. Pacifistas, agregadores, formuladores, estudiosos, mas também preconceituosos, violentos, criminosos, autoritários e rebeldes sem causas. E quando essas tribos ocupam simultaneamente as ruas, expõem suas respectivas tonalidades e diferenças em discursos e ações.

Nesse contexto, o papel do poder público e da polícia deve ser o de garantir direitos, com atuação equalizadora. De um lado, proteger manifestantes, orientar trânsito, ouvir reclamos, receber e acatar propostas inovadoras, criar canais permanentes de diálogo, em todas as áreas. Por outro lado, agir com inteligência para evitar violência e depredações, isolando cirurgicamente aqueles que extrapolam os limites dos direitos e deveres comuns. Este é o papel do Estado numa verdadeira democracia.

A interação em rede, integrando comunidades, e contemplando a diversidade, sem manipulação partidária, é a nova forma de ativismo político. Mas isso está em construção colaborativa, não tem receita pronta.

O desafio imediato é garantir um legado positivo de toda esta mobilização, elevando o patamar da cidadania no Brasil. Ainda não sabemos como esse movimento espontâneo dialogará com os canais políticos institucionais, buscando representatividade e mudanças nas esferas oficiais e nos processos eleitorais. Mas certamente exercerá efetiva pressão para mudar velhas práticas política. E isso já é uma vitória.

Contudo, se a mobilização, que nasceu exigindo redução no custo de transporte, mudar a percepção que se tem sobre as grandes cidades, buscando soluções eficientes para a mobilidade, abrindo espaços para bicicletas e redesenhando o espaço urbano de forma mais democrática, já terá sido outro grande avanço.

E novos conceitos podem emergir desse processo. Como esses, que venho defendendo:

Cidade Móvel – Serviços, educação, lazer, comércio e empregos aproximando-se do cidadão, movendo-se para a periferia, para reduzir necessidade de deslocamento e perda de tempo.

Cidade Mesclada – Planejar prédios de luxo e populares lado a lado, no mesmo bairro, evitando grandes deslocamentos para trabalhadores e estudantes, criando mais segurança com o convívio sem barreiras.

Cidade Compartilhada – Sair do ‘ter’ para o ‘usar’ de forma inteligente e eficiente, com uso compartilhado de equipamentos públicos, bicicletas, cadeiras de rodas, carros, taxis etc, usando tecnologias digitais. Como já é sucesso com as bicicletas do Porto Digital.

Povo nas ruas expressando indignação e ideias, na paz, acima de partidos, sem submissão, é sinal de País democrático! O Brasil avança!

Sérgio Xavier, Integrante da Comissão Nacional da Rede Sustentabilidade

Artigo Publicado na Folha de Pernambuco - 20 JUN 2013

Comentar









imagem_form

Imagens

    Ver imagens Ver imagens Ver imagens
Ver Mais

Últimos Clips

AchaNotícias

Eleições 2010

Sérgio Xavier no Twitter

Newsletter

Receba nossas novidades por email





Indique

Indique o blog para um amigo





Categorias

Arquivo